Torne-se numa organização resiliente, em ascensão

Faça download do relatório

O mundo dos negócios está a mudar, não só ao nível dos mercados, mas também das próprias empresas e pessoas.

Nesta nova realidade de pós-pandemia, todos enfrentamos um cenário de insegurança económica. Os próprios dados demográficos das forças de trabalho estão a mudar – segundo a OMS, prevê-se que o número de pessoas com mais de 60 anos aumente de 12,3% para cerca de 16,4% da população global, até 2030. À medida que o PIB dos países aumenta, o mesmo ocorre com a prevalência de doenças não transmissíveis de que são exemplo a diabetes tipo 2 e o cancro (OMS). Novos formas de stress, isolamento e infelicidade ganham expressão e contribuem para níveis crescentes de ansiedade (Scientific American, WEF). A pandemia por COVID-19 veio ampliar estas incertezas, tornando uma ameaça invisível numa realidade para todas as pessoas.

Ainda assim, negócios e organizações resilientes podem constituir uma fonte de segurança e propósito durante tempos de tamanha incerteza e mudança, podem ser locais onde as forças de trabalho encontrem realização neste contexto. Tipicamente os empregadores investem em pacotes de benefícios e seguros de saúde como ferramentas para atrair talento mas, aos dias de hoje, não só os colaboradores como a sociedade em geral esperam mais do mundo dos negócios, do bem-estar social ao desenvolvimento profissional. E os que investem nas suas pessoas e equipas são os que mais podem beneficiar.

Em março de 2020 realizámos questionários a colaboradores e a organizações em toda a Europa para melhor compreender as suas expectativas e impacto das iniciativas de Saúde & Bem-Estar. Adicionalmente, avaliámos a capacidade de resposta dos empregadores à pandemia por COVID-19 para compreender quais as estratégias que geram e contribuem para elevados níveis de resiliência organizacional.

“Gerou-se uma tempestade perfeita, uma combinação de volatilidade e incerteza difíceis de gerir. As consequências são ambíguas e a dificuldade gerada pode ser esmagadora, o que constitui uma enorme fonte de stress. Nestas circunstâncias, as organizações podem constituir verdadeiras fortalezas que ajudam as pessoas a atravessar estes períodos de grande dificuldade.”

Bas van der Tuyn – Manager for Propositions & Business Development, Aon

Os 5 pilares de Wellbeing

Investimentos estratégicos na área de Saúde & Bem-Estar dos seus colaboradores é mais do que uma decisão de gestão, é a oportunidade para que as organizações prosperem.

Os empregadores que forem capazes de capacitar os seus colaboradores através do seu propósito, clareza e liderança, destacam-se para oferecer estratégias de Bem-Estar mais eficazes. São organizações com forças de trabalho mais felizes, mais confiantes, com maiores níveis de energia, mais produtivos e mais comprometidos. O que caracteriza uma organização resiliente é a sua capacidade de compreender e implementar estratégias claras que respondam a cada um dos 5 pilares de Bem-Estar: emocional, físico, financeiro, social e profissional. Não basta ser resiliente, é imprescindível a criação de uma cultura que incentive à resiliência das forças de trabalho.

Para conhecer o testemunho de empresas que têm vindo a fortalecer a resiliência das suas forças de trabalho e aceder aos dados que demonstram de que forma o fator resiliência está a impulsionar uma nova geração de locais de trabalho, inscreva-se para aceder em primeira mão ao nosso relatório Rising Resilient.

Faça download do relatório

Fale connosco


A Aon é uma empresa mundial de serviços profissionais com soluções de Consultoria e Saúde, focada em apoiar os seus clientes a crescer e prosperar.

Para saber mais sobre como tornar a sua organização numa organização resiliente e em ascensão, fale connosco.


Na sua função, tem responsabilidades em vários países? (Obrigatório)



Obrigado pela sua inscrição. A nossa equipa de consultores entrará em contacto tão breve quanto possível.